Narrativas da experiência na pesquisa-formação: Do sujeito epistêmico ao sujeito biográfico

Metadatas

Date

2015

type
Language
Identifiers
  • handle:  10670/1.tp2tjy
  • (Revista) ISSN 0104-4311
  • (Revista) ISSN 2177-6059

Cite this document

Maria da Conceição Passeggi, « Narrativas da experiência na pesquisa-formação: Do sujeito epistêmico ao sujeito biográfico », Dialnet - Artículos de revista, ID : 10670/1.tp2tjy


Metrics


Share / Export

Abstract 0

Tematizamos as narrativas da experiência como dispositivos de pesquisa-formação. Iniciaremos pela noção de sujeito epistêmico e sujeito empírico como concepções propícias ao exercício de biografização. A experiência constitui o conceito central da pesquisa-formação com o uso de narrativas. Abordaremos as noções de capital biográfico, aprendizagem biográfica, memória biográfica como modo de conceber o sujeito biográfico. Tais noções nos ajudam a compreender que a formação ocorre ao longo da vida e em todas as circunstâncias da vida. Utilizamos nas análises memoriais autobiográficos e entrevistas narrativas. As conclusões planteiam uma epistemologia do sujeito biográfico que enlaça nas narrativas da experiência razão e emoção, o público e o privado, o padecer e o empoderamento.

From the same authors